Poesia: Melancolia

Melancolia3AlfonsinaylamarcopiaTenho a chamada chuva de inverno.
Ela escorre sobre meu corpo.
Volta e meia até você.
Quando vejo já era.
A água inundou meu ser.

Cadê você aqui comigo?
Por que faz assim comigo?
Tenho tanta vontade de você.

Á noite acordo de madrugada
pra escrever um poema pra você.
é porque não sou feito de água
sou feito pra você.

Essa dádiva de chuva
me deixa a melancolia
por que me sinto tão esvaído?
por que não está aqui comigo?
Inerte a alma em tanta água
falta apreciar-te seu corpo
igual ao meu

Juliana Godoy.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s